The home of Eurovision lyrics

Song Information
Music: Gonçalo Madruga
Lyrics: Gonçalo Madruga

As cores que uso
Na tela que te pinto
Mas não consigo terminar
Com o vazio que hoje sinto

Carrego no corpo um cinza escuro
De um mundo em que teimo passar
Tento fazer a pintura de uma vida
Que hoje vou abraçar

Nesta tela eu te pinto de cor
Tu és musa, tu és luz, tu és cor
No teu corpo faço um esboço
De um amor perdido onde já nada faz sentido

Acrescento a tua cor
A tão belo quadro que pinto
Mas a obra só está completa
Quando voltares p’ro meu lado

Nesta tela eu te pinto de cor
Tu és musa, tu és luz, tu és cor
No teu corpo faço um esboço
De um amor perdido onde já nada faz sentido

Nesta tela eu te pinto de cor
Tu és musa, tu és luz, tu és cor
No teu corpo faço um esboço
De um amor perdido onde já nada faz sentido

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Visitors from around the world

free counters